Pérolas da Moda: Carolina Potrich

Hey! Tudo bem?

Para o post de hoje trago a super dica de uma Pérola da ModaCarolina Potrich! Tive a oportunidade de conhecer a Carol no 10º Colóquio de Moda, que ocorreu em Caxias do Sul este ano. No dia das apresentações dos banners, fui dar uma olhada nos trabalhos de pesquisa dos meus colegas da moda, e logo de cara encontrei o trabalho dela, bem na entrada, e me apaixonei. “Desenvolvimento de coleção para trabalho de conclusão de curso com o uso do crochê” é o título da sua pesquisa, que tem todo um fundamento e referências como o Bureau de Estilo Nelly Rodi, para a Outono/Inverno 2015 e, em consequência, o Manifesto Analógico, que é um encantamento só, feito a partir de experiências.

“‘Ser Analógico’ não é ‘não seja digital’. Ser analógico é voltar os olhos ao cuidado, ao carinho. É fazer uma pausa. É olhar para as pequenas coisas, para sensações que só podem ser sentidas e vividas de maneira analógica. Com o coração, com as mãos. É dar um abraço, é contemplar o sol, é escrever um bilhete.”, por Lola (siga no facebook).

Lindeza né? Isso é só a introdução, agora, vamos conhecer um pouco mais sobre a Carol e a sua marca?!

Nome? Carolina Neumann Potrich

Nome da marca? Carolina Potrich

Gabi Henemann: Quando iniciou a marca?

Carolina Potrich: Abril de 2014

G.H: Qual é a identidade da tua marca? E o que te impulsiona/impulsionou a trabalhar com este ‘DNA’?

C.P: Bom, sempre gostei do feito à mão, penso que sempre fui pelo lado mais difícil. Mesmo durante a facul, eu super me dedicava aos trabalhos e fazia todos que possível, a mão… isso porque eu gostava e ainda gosto. Queria que o meu tcc fosse um porta aberta para meu futuro profissional e que eu pudesse trabalhar por conta, porque sabia que iria me realizar bem mais o que ficar bitolada a ideias de empresas.

Foi no meio de pesquisas que me encontrei no crochê. Nunca havia percebido, mas estava mais perto do que imaginada… e é total a minha essência também como pessoa. Carrego na marca aquilo que amo e as pessoas que me conhecem identificam muito bem isso. O crochê, o bordado, o artesanato em geral é uma cachaça… tu vai conhecendo, se apaixonando e viciando nisso, quer fazer sempre mais, misturar técnicas, enfim… é mega gratificante, porque além de tudo conta muita história.10171256_1411973392405613_2315883815570168151_n

O que me impulsiona é saber que as pessoas se encantam ao saber que é todo feito à mão, que tem mulheres, histórias e resgate por trás de tudo isso. Sem contar na atemporalidade de uma peça em crochê… quero ver filhas usando peças das mães e quem sabe não netas? Acho incrível pensar nisso e, pensando assim, queria que o tempo voasse..hehe

G.H: Qual o teu público-alvo?

C.P: Bom, estou ainda conhecendo um pouco, pois estou bem no início. Mas visualizo mulheres independentes, contemporâneas e românticas, que gostam de estar bem vestidas, optando por uma peça-chave. O crochê permeia diversos ambientes, por isso vislumbro festas, noivas e também empresárias no seu dia-a-dia.

10152416_1417268805209405_7029221736728915661_nQual é a melhor parte de fazer o teu trabalho? E a pior?

C.P: A melhor… são muitas. Criar, estar em contato com as crocheteiras, perceber a empolgação delas e também das clientes ao ficar pronto, explorar possibilidades, amo tudo que que faço, essa é a verdade.

A pior… estar ainda com falta de mão de obra qualificada, é desgastante, pois prezo pelo trabalho bem feito, até porque trabalho com matérias-primas de alta qualidade e fato que não posso deixar pecar no fazer.

G.H: Carol, tens algum comentário a mais?

C.P: Obrigada pela oportunidade 😉

Vem conhecer meu atelier em Caxias… hehe bjos

Com certeza! Assim que der um tempinho para voltar a Caxias, vou dar uma passadinha do teu cantinho! Só tenho que agradecer a atenção, e parabenizar a marca e a designer Carolina Potrich. Trabalho e pessoa encantadoras! Amei conhecer, e desejo muito sucesso!

Um pouco mais da marca, em um lindo editorial:

10525796_1453441438258808_4615626362200349331_n10521526_1454553201480965_4992827695902423374_n10505605_1454553158147636_8085017329157600471_n10440716_1454553231480962_802827464096177962_nSou apaixonada por artesanato! Aqui no Brasil, as técnicas à mão estão por todos os lados, e é uma pena que muitos de nós, jovens, não tenhamos interesse em aprender, perdendo de vista estes trabalhos tão lindos e feitos com dedicação. Como mencionado pela Carol, a mão de obra qualificada nessa área está escassa, e, muitas vezes, as próprias mulheres que sabem fazer, se desvalorização e se desestimulam, por causa da desvalorização das outras pessoas, o que é uma pena. Se formos pesquisar e obter mais conhecimento sobre esse assunto, no exterior tudo o que é feito à mão é super bem visto e bem pago. Por isso, deixo mais uma vez a dica de que devemos dar mais valor ao nosso país e sua imensidão. Para que buscar referência fora, se temos tantas e tantas inspirações aqui mesmo, na nossa rua, na nossa cidade…

E, para quem quiser ler o trabalho de pesquisa completo da Carol, clique aqui. E não deixem de conhecer mais o trabalho dela e de seguí-la nas redes sociais! Facebook – Site – Instagram

Feliz terminar o final de semana e iniciar mais uma semana com um trabalho tão lindo e feito com muito amor, como o da Carol Potrich.

Se inspirem, tenham e façam desta uma semana igualmente linda e com tanto amor e carinho assim <3

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.